Resoluções

Estive vasculhando meus diários de oração e encontrei essas resoluções que tomei em abril de 2005, na época nossa igreja tinha acabado de passar pelo concílio e eu agora estava diante de uma responsabilidade maior. Até hoje luto para tentar cumprir estas metas:

  • Fazer todas as coisas como se fossem pra Deus.
  • Não reclamar de ninguém que foi colocado em meu caminho e como parte da minha história, pois todos tem algo a acrescentar à ela.
  • Não ter pensamentos precipitados diante das atitudes das pessoas.
  • Não fazer nada que tenha como objetivo me colocar acima dos outros.
  • Tentar sempre alinhar os meus desejos aos de Deus, para tanto, buscar conhecer a sua vontade através do estudo continuo das Escrituras e da oração.
  • Que eu não queira fazer nada relacionado ao Reino de Deus sozinho, porque nem Jesus o fez.
  • Que eu tenha a sabedoria de desejar sabedoria, por isso, que eu não deixa de me colocar como aprendiz. 
Share on Google Plus

Sobre Eduardo Cruz

Não sou bem um escritor, sou um pastor que escreve.

0 comentários:

Postar um comentário